Total de visualizações de página

domingo, 8 de dezembro de 2013

Veja algumas das Propostas de Governo do Candidato à Prefeitura de Gravatá Bruno Martiniano.




Coligação Frente Popular de Gravatá.  Plano de Governo – 2013/2016

Este documento é uma síntese das diretrizes e linhas gerais do Programa de Governo proposto pela candidatura de Bruno Martiniano à Prefeitura de Gravatá.
Está orientado pelo propósito de estabelecer um trabalho voltado para a modernização das infraestruturas da cidade, na diversificação da sua economia, na ampliação do acesso aos serviços públicos e na melhoria da vida do nosso povo.
Ao receber este documento, convidamos você a ler, sugerir e divulgar.
Uma visão estratégica e inovadora de gestão pública, que garanta mais qualidade de vida para o nosso povo. Esse é o nosso projeto para Gravatá. Nas próximas páginas, você vai poder conferir um conjunto de compromissos que assumo com cada morador do nosso município.

Temos certeza que juntos vamos fazer mais pela nossa cidade e por nosso povo. Temos certeza que juntos, vamos transformar Gravatá na grande força da nossa região. Vamos dar ao nosso
povo um futuro melhor, de mais conquistas, de mais oportunidades.

Bruno Martiniano

Mobilidade Urbana, Transporte e Trânsito de qualidade. Esse é o nosso caminho.

Estimular a ampliação da frota de ônibus em operação, visando melhorar a qualidade do atendimento e a adequação da oferta de ônibus à demanda, em especial nos horários de pico;
 Melhorar as condições de conforto e de informação aos usuários do transporte público nos pontos de embarque e desembarque;
 Melhorar as condições de acessibilidade dos moradores da zona rural ao centro urbano;
 Aprimorar os serviços de táxi, de moto-taxi, de transporte de escolares e de fretamento;
 Implantar as estatísticas de acidentes de trânsito, visando à identificação dos locais de maior incidência de acidentes para orientar as intervenções de engenharia, fiscalização, operação e educação de trânsito;
 Aprimorar e intensificar os serviços de manutenção e implantar sinalização viária horizontal, vertical e de semáforos;
 Aprimorar programa permanente de educação para o trânsito voltado para crianças em idade escolar e adultos - pedestres, condutores e passageiros;
 Criar e implantar programa de segurança para o pedestre, inclusive no entorno das escolas;
 Implantar um sistema eletrônico de controle operacional, constituído por central semafórica inteligente, monitoramento por câmeras e painéis de mensagens variáveis;
 Preparar a cidade para os impactos quando da realização de eventos e implantar ações necessárias para minimizar seus efeitos negativos no trânsito;
 Priorizar a execução de obras viárias que façam a ligação entre bairros, reduzindo o tráfego no Centro da cidade;
 Asfaltar as principais vias urbanas, garantindo a mobilidade urbana.

Administração eficiente e participativa. Esse é o nosso caminho.

 Implantar o Orçamento Participativo de Gravatá, democratizando a elaboração do Orçamento Municipal, promovendo a participação da sociedade local no planejamento, no acompanhamento e na fiscalização da execução orçamentária;
 Realizar o planejamento de médio e longo prazo, com participação da sociedade, tendo como perspectiva: “GRAVATÁ – ANO 2022”;
 Promover a prestação de contas do município, quadrimestralmente, na Câmara Municipal, objetivando o acesso e a discussão sobre as informações quanto ao funcionamento do poder público e das especificidades da administração municipal;
 Consolidar os canais de participação, como os conselhos gestores de unidades ou de políticas públicas, no intuito de ampliar os espaços de decisão;
 Desenvolver processos de formação continuada para conselheiros, conselheiras e lideranças comunitárias;
 Implantar o Orçamento da Criança e do Adolescente, possibilitando o acompanhamento das ações do município voltadas para esse público;
 Implantar um moderno sistema de atendimento ao cidadão via telefone e internet, garantindo o acompanhamento adequado da solicitação do munícipe e com prazos pré-definidos para a execução do serviço;
 Implantar a Mesa de Negociação Permanente com os Sindicatos dos Servidores, adotando instrumento regulador da relação do governo com o funcionalismo;
 Modernizar o processo de trabalho, com a implantação de sistemas tecnológicos capazes de agilizar o fluxo de informações e a qualidade das ações desenvolvidas;
 Criar o Observatório de Políticas Públicas para a produção de informações de todas as áreas para orientar as ações do conjunto do governo;
 Criar programa de formação continuada para os servidores públicos, promovendo uma nova dinâmica organizacional baseada na promoção da qualificação e no desenvolvimento das pessoas, na perspectiva de constituição de um quadro permanente de gestores públicos;
 Garantir que os servidores participem de forma concreta na discussão, na implantação e na avaliação das ações realizadas;
 Implantar o planejamento estratégico que norteie todas as ações do governo, onde cada secretaria incorpore esta ferramenta de gestão na sua prática diária;
 Utilizar o Orçamento Municipal para medir eficiência, eficácia e concretude das ações estabelecidas no Plano de Governo;
 Dar tratamento matricial aos projetos do governo, garantindo cooperação e articulação das diferentes áreas e
definindo com clareza os escopos e atribuições de cada uma delas;
 Instituir política de recursos humanos que valorize, respeite e reconheça os servidores, com investimento em capacitação e na qualificação profissional, sempre com vistas à melhoria da qualidade do serviço prestado.


Qualquer dúvida acessem o Site: http://www.tre-pe.jus.br/eleicoes/eleicoes-2012/divulgacao-de-candidaturas


Um comentário:

  1. Não somos obrigados a nada, mas se prometeu se torna obrigado

    ResponderExcluir